outubro 10, 2008

Sequestro da Nina

Quarta-feira 08 de outubro

Saí de casa para trabalhar as 8:00h, nesse momento acho que a Nina saiu e ficou na rua e eu não vi(meus vizinhos sabem que ela é minha cachorrinha).
Quando foi umas 9:40h meu telefone do trabalho toca, eu atendo e escuto a voz da minha mãe em pânico:
Mãe:- Flávia a Nina sumiu!!!!!
Eu (já chorando): -Mãe não me fala uma coisa dessas!!! Você procurou direito??? Ela não está debaixo da minha cama????
Mãe: – Já procuramos na casa inteira e na rua e nada!
Eu: – Estou indo pra casa (desligo o telefone).

Quando eu estava saindo do meu trabalho meu telefone toca de novo, era minha mãe:
Mãe: – Flávia achamos a Nina…
Eu (aliviada): – Ela está bem? onde ela estava?
Mãe: – Calma! Achamos mais a mulher que pegou ela (em frente a minha casa) não quer devolver.
Eu: – Como assim?????
Mãe: – Ela disse que ia vender a Nina e agora ela não pode ficar no prejuízo, e quer uma recompensa para devolver a Nina.
Eu: – Estou indo ai e quero ver ela não devolver minha cachorra! (eu P… da vida)
Mãe: – Espera aí… A Fernanda (minha irmã) está chegando com a Nina aqui.

Moral da história… A Nina ficou uns 30 minutos em frente a minha casa, uma vizinha pegou a cachorra em frente a minha casa. Minha irmã já tinha perguntado pra ela se ela tinha visto uma cachorrinha na rua e ela tinha dito que não.
Um dos vizinhos disse para minha irmã que viu ela pegando a cachorra, minha irmã e meu pai vai lá pegar a Nina de volta e ela fala na maior cara-de-pau que não ia devolver, por que ela estava precisando de dinheiro e ia vender minha cachorrinha.
E que se fosse para ela devolver, teríamos que pagar uma recompensa pra ela…
Ainda bem que eu não estava lá, por que como eu sou grossa, tinha quebrado a cara dela.
Mais agora está tudo bem e a Nina está salva em casa… Rssss

outubro 02, 2008

Quebra-Cabeça…

Eu e o Bruno gostamos muito de montar quebra-cabeça. No mês passado terminamos um de 1.000 peças “Maravilhas da Arquitetura” (demoramos um mês para montar) ficou lindão, mandamos colocar moldura e ficou mais lindo ainda XD
Daí estávamos a procura de um outro com uma imagem bem legal de 3.000 peças, e claro que para montar um quebra-cabeças tão grande é necessário o porta-Puzzle de 3.000 peças (que aqui em Brasília estava super difícil de achar).
E o Bruno conseguiu comprar o porta-puzzle e um quebra-cabeças de 2.000 em promoção… ^_~
Ainda não começamos a montar, por que eu estava estudando para a prova de inglês.

setembro 28, 2008

Unhas Vermelhas e Filmes

Eu não gosto muito de pintar as unhas de vermelho, por que sou muito branca e daí realça muito, mais no sábado quando a Isis (minha manicure e amiga) chegou (me acordando, pois não consegui acordar hehehh) às 10 da manhã, eu quase dessisti de fazer a unha de tanta preguiça.
Aí a Isis veio me mostrando uns esmaltes escuros que era bonito e blá blá blá… E ela me convenceu a pintar as unhas de vermelho, e não é que eu gostei XD
Esmaltes: Rubi com Rebu

Filmes


Rob Hawkins (Michael Stahl-David) mora em Nova York e está prestes a se mudar para o Japão. Ele reúne os amigos em uma festa de despedida, na qual pretende revelar sentimentos mal-resolvidos. Entretanto um forte solavanco assusta os convidados. Todos buscam notícias sobre o ocorrido na TV, que diz que a cidade sofreu um terremoto. Ao chegar ao terraço para ver os estragos o grupo nota uma bola de fogo gigante, seguida pela queda de luz na cidade. O pânico toma conta de todos, o que aumenta ainda mais quando eles enfim conseguem chegar à rua. Detestei o filme! Não tem história é tudo sem sentido…

Uma série de assassinatos em New Yorkm, onde os corpos mutilados das vítimas possuem equações desenhadas pelo assassino, estão sendo investigados por um detetive, que descobre algo aterrador: As vítimas precisaram escolher entre morrerem ou matarem alguém próximo e querido. À medida que a investigação se desenvolve, o detetive encarregado percebe que o serial killer está querendo que ele pague por erros do passado. Gostei muito do filme, tem uma história bem diferente.